Connect with us

Bahia

Luís Inácio LULA da Silva

Postado

em

“Era só mais um Silva, que a estrela não brilha.” Era. Era só mais um Silva. Um Sílva dentre os tantos que emonizam a política e os sindicatos. Era só mais um Silva que se acostuma desde cedo com a “morte por morte matada ou morte por morte morrida”. Era. Era só mais um Silva. Era é o verbo ser. O introdutório do predicativo de sujeito. Hoje não é mais. Há um predicativo para o sujeito. O predicativo foi presidente da república. Hoje é sonho. Mas, não um. Um é um artigo indefinido. O Lula não é indefinido e nem se assemelha em grandeza de espírito, força, e de uma sagaz beleza incomparável. Lula não mudou o calendário Gregoriano, mas dividiu o país.

Não dividido com alguns desavisados ou estelionatários da academia e das ciências – mesmo os cientistas do senso comum fazem-. Lula dividiu o país entre o tempo. Dialogou com o Deus Cronos e repartiu, dizendo, qual Thiago de Melo nos Estatutos do Homem: – Fica decretado que a partir de hoje todo povo brasileiro sonha. E ninguém sonha de barriga vazia. Logo, todo mundo terá de fazer três refeições por dia. Além de decreto virou lei. Não a lei do Civil Law somente. Foi a lei que homens e mulheres comprometidas fazem existir. Assim foi feito. A gente que não comia passou a sonhar. Quem tem comida não sabe o que é não sonhar. Não é trocadilho ou paralelismo. É gente. Os sonhos que Lula espalhou não se apaga com maldade. Não se apaga com corações arrancados. Se nos sacam os corações a gente sonha com a pele. E se até a pela nos arranca a gente continua a sonhar com as ervas que brotaram a partir da adubo de nossos corpos. Lula, o Brasil é outro.

O Brasil do teu legado não somente incomoda hoje o Brasil que não gostam que os do andar de baixo sonhem. Quando D. Lindu te mandou teimar entendestes, meu líder. Meu não. Não só meu. És líder até de quem quer teimar em não considerá-lo líder. Antes de ti era só mais uns e umas Silvas que a estrela não brilhava. Hoje há uma estrela em cada Silva e uma estrela em comum. Falo, teimo e não tergiverso: O PT. Lula não tem projeto pessoal e projeto pessoal não resolve problemas coletivos. Somente se chega na coletividade. A estrela brilha e a história será contada. Quem é do andar de cima não sabe o que é o povo do andar de baixo poder sonhar. Hoje a gente sonha. Os nossos sonham. E os nossos seguem. A gente não trabalha somente mais para comer. A gente trabalha para viver. Viver é mais do que comer. “Eu sei que o amor é uma coisa BOA”. E… comendo, sonhando e amando… Sigamos! Viva #LulaGuerreiroDoPovoBrasileiro.

Por: Jocivaldo dos Anjos é especialista e mestre em Gestão Pública e Consultor da Consilium Consultoria.

Comentário do Facebook

Bahia

VÍDEO: nos EUA, Bolsonaro chama estudantes de “idiotas úteis”, “imbecis” e “massa de manobra”

Publicado

em

VÍDEO: nos EUA, Bolsonaro chama estudantes de “idiotas úteis”, “imbecis” e “massa de manobra”

Comentário do Facebook
Continue lendo

Bahia

Bolsonaro corta 30% da verba da UnB, UFBA e UFF

Publicado

em

Balbúrdia é o que está sendo feito no Brasil pelo governo federal! Weintraub, o novo ministro da Educação, já deu todos os prenúncios de uma gestão autoritária que quer implementar um sistema de educação no país que acaba com o pensamento crítico e emburrece o povo.

Hoje ele anunciou que as universidades que tiveram maior relação com os movimentos sociais e realizaram eventos que provocavam a discussão política e social como o Fórum Social Mundial ou a Bienal da UNE, terão 30% das dotações orçamentárias bloqueadas.

O valor do corte na UFBA, na UnB e na UFF corresponde a mais da metade do contingenciamento imposto a todas as universidades e, sem noção da realidade de sucateamento da educação pública no país o ministro ainda afirma “A universidade deve estar com sobra de dinheiro para fazer bagunça e evento ridículo”. #educacao #ministeriodaeducacao #Weintraub #ufba #unb #uff #universidade #elenao #bolsonaronao

 

fonte: midia ninja

Comentário do Facebook
Continue lendo

Bahia

PROFESSORA É PRESA ENQUANTO DAVA AULA NO IF DE GOIÁS

Publicado

em

A Coordenadora Geral do SINASEFE, Camila Marques, foi detida hoje de manhã (15), enquanto dava aula no campus Águas Lindas do Instituto Federal de Goiás.

A polícia civil de Goiás estava no campus desde o início do dia. Camila não aceitou que a polícia militar entrasse em sua sala de aula para interrogar alguns de seus alunos e recebeu voz de prisão por desacato enquanto exercia sua atividade de professora, dentro de sala de aula e na frente de seus alunos.

A questão que é: Quem desacatou quem? Onde fica a autonomia de uma instituição federal como o IFG, com a PM dentro do campus? E a autonomia da professora com relação a sua sala de aula? A polícia não deve respeitar a autoridade que Camila representava naquele momento?

A Assessoria Jurídica Nacional (AJN) do Sindicato Nacional dos Servidores Federais da Educação Básica, Profissional e Tecnológica está acompanhando o processo na delegacia pra onde a professora foi levada e tentando a sua liberação.

Camila Marques não é só professora. Também é uma lutadora social, dirigente sindical e vinha sofrendo perseguição por parte de Bolsonaristas que a denunciavam por “doutrinação”. O fato é que Camila defende uma educação crítica e libertadora e não pode ser punida por isso.

Toda solidariedade à professora Camila Marques!

 

fonte:@jornalaverdade_

 

Comentário do Facebook
Continue lendo

TV Lampião

Facebook

Mais acessados