Connect with us

Brasil

Esquerda baiana unida contra Temer

Postado

em

Os parlamentares baianos de esquerda fecharam questão pela votação em favor do pedido de investigação contra o presidente Michel Temer. Na manhã desta quarta-feira (2), grande parte da bancada da Bahia participou de atos em defesa da saída do peemedebista e da convocação de eleições diretas, por meio da aprovação de um Projeto de Emenda Constitucional.

 

A senadora Lídice da Mata (PSB-BA) afirmou que a base de Michel Temer sofreu um duro golpe e ele terá um número de votos bem abaixo do esperado. A parlamentar baiana, que é autora de uma PEC que permitirá a antecipação das eleições, o que segundo ela é o único caminho para o País sair da crise.

Questionada em entrevista à Rádio Metrópole sobre o posicionamento do governador Rui Costa (PT) em exonerar dois secretários de Estado para que eles participem da votação, o que gerou uma especulação de uma suposta a ajuda a Temer, Lídice respondeu:

– Acho que o (deputado) Josias (Gomes) quis participar de um momento importante da história do País. Ele votará seguindo a orientação nacional do PT, que é pela investigação do presidente. Já Fernando Torres (PSD-BA) deve abster-se.

O deputado federal, Afonso Florence (PT) cobrou a aprovação da PEC das Diretas Já

e reafirmou a posição do seu partido em votar pela investigação de Temer no Supremo Tribunal Federal. “Se a sessão se iniciar com baixo quórum, ele pode conseguir derrotar no voto. Porque tem aqueles pesos proporcionais, todo mundo já sabe, mas se o governo tivesse maioria, ele garantia agora o quórum e aprovava o relatório da CCJ. Portanto tem aí um acompanhamento da evolução do quórum dado pelo governo, para nós então, em bloco, podermos entrar no plenário e registrar presença e votar na nossa posição contra o relatório da CCJ que, digamos assim, anistia Temer”, explica.

Já deputada federal Alice Portugal (PC do B) denunciou uma suposta “compra de votos” do Planalto, por meio da liberação de emendas parlamentares. Segundo ela, “os parlamentares governistas estão com vergonha de dar as caras e enfrentar 93% dos brasileiros que estão contra esse presidente ilegítimo”.

Comentário do Facebook

Bahia

MOVIMENTOS SOCIAIS SE PREPARAM PARA PROTESTAR NO VERÃO DE SALVADOR

Publicado

em

Por

Movimentos sociais na Bahia já se organizam para participar das atividades de verão na Bahia com Protestos e resistência ao golpe de estado no Brasil promovido pelo presidente ilegítimo em exercício Michael Temer. Movimentos como o Coletivo de Ação Fora Temer (CAFT), Filhos e Filhas de Marx, Médicos Pela Democracia, Transbatucada, sindicatos, entre outros, já se articulam para a formação de um movimento unificado para participar dos festejos de verão em Salvador, com muita luta e resistência, respeitando, é claro, os rituais religiosos presentes nas festividades baianas.

No CAFT os preparativos já começaram para as festas da Lavagem do Bonfim, Iemanjá, Carnaval, Dia da Mulher e Fórum Social Mundial (que ocorrerá este ano na cidade de Salvador nos dias 13 a 18 de março). Prometendo uma festa irreverente, com a presença de diversos artistas consagrados na Bahia, bastante música, percussão, Nanotrio, Djs, palavras de ordens, paródias e articulação com diversos movimentos sociais, o Coletivo de Ação Fora Termer promete deixar sua marca impressa no Bonfim através de muita arte, graciosidade, música, paródias e palavras de ordens, se configurando num movimento de luta e resistência dentro das atividades festivas de Salvador.
Mais informações ZAP: (71) 98853-2305, (71) 9 9190-2845

Comentário do Facebook
Continue lendo

Bahia

RUI COSTA 64 X 14 ACM NETO

Publicado

em

Por

No clássico baiano para ver quem se torna o melhor gestor público o governador da Bahia Rui Costa (PT) está dando de lavada no prefeito ACM Neto (DEM). Segundo pesquisa divulgada pelo portal G1, nesta terça feira, dia 02 de janeiro, o governador da Bahia lidera o ranking nacional com 64% de projetos executados ou em andamento das promessas feitas na campanha em 2014, se tornando o maior gestor do Brasil, além de ter as suas contas aprovadas no TCU, que não é o caso do prefeito de Salvador.

Bem longe disto, aparece o prefeito de Salvador ACM Neto com apenas 14% dos projetos executados ou em execução, bem abaixo da média nacional que é de 32% de execução de projetos pós-campanha.
Portanto, no embate direto entre os dois candidatos, o governador Rui Costa está dando uma verdadeira lavagem de competência e trabalho sobre o prefeito de Salvador, cujas ações se concentram basicamente em Festas, Asfaltos, Praças e Multas de Trânsito.

Comentário do Facebook
Continue lendo

Bahia

Por que a gente homem mata tantas mulheres?

Publicado

em

Por

Por Jocivaldo Dos Anjos

Elas estão certas no meio de tanta gente errada. A gente, que mata, não pode estar certa. Jamais que mata tanto pode estar certa. A ideia do imperialismo masculino como a fase superior do machismo: a ideia da posse que orienta a ideia do posso. Meus “compras”, a gente não pode. A gente não pode poder desta forma.

A gente se acha donos dos corpos, das almas, dos sonhos, dos querer, do pensamento, da manhã, da tarde, da noite… e, caso elas não tenham tempo de serem nossa a ente inventa e cria em nosso querer. Como este tempo, que não existe, não é de ninguém, a gente toma este tempo e cobra delas o único lugar que o imaginário pode morar: a vida.
Semana passava eu dialogava com um irmão meu – irmão que a vida que deu-. A gente precisa de ciclos para falar de vocês e seus sonhos e desejos, companheiras, entre nós homens. Dialogar sobre machismo com mulheres feministas ou não. Precisa de ser um tema nosso. Tem de ser tema dos ciclos, bem como outros temas que nos fere como gente na vida. Mas, tá demais.

Não é conversa para aplauso. Não é papo para se aparecer. É uma tristeza que mancha diariamente com sangue as páginas das vidas delas: a gente mata pela ideia de posse. A gente não saiu ainda do século XX em que elas não votavam. A gente não saiu ainda dos tempos que elas não tinham reconhecimento do trabalho. Compas, ainda a gente não saiu da idade média onde elas não gozavam. Elas hoje gozam, não por nossa vontade, mas pelo direito que elas – e todos os corpos tem de gozar.

A fase superior do machismo é o feminicídio. Quando elas falam: parem de nos matar não é somente uma frase de efeito. É o efeito de uma fase. Que fase! Uma fase que teima em na passar. Precisamos mais do que falar de machismo. Precisamos de superar. Tá puxado! Tá feio! A gente não é dono de ninguém. Porque ninguém pode ser senhor de ninguém em um tempo que não seja de escravização, compas. Desta forma, não sigamos. Não há como seguir matando tantas mulheres por nós sentirmos superiores. Pensemos! Mudemos! …

Comentário do Facebook
Continue lendo

TV Lampião

Facebook

Mais acessados